Ciranda do Anel, de Bia Bedran


Olá, minha gente!
Compartilho um texto clássico, de tipologia poética, que já faz parte do nosso universo cultural musical há tempos. Entra ano e sai ano ele canta e encanta os nossos corações (nós, grandões) e principalmente os de nossas crianças. Refiro-me a música "Ciranda do anel", de Bia Bedran. E o melhor de tudo é que pode dar bastante "pano para as nossas mangas" alfabetizadoras.
Partindo da audição, dramatização e leitura da letra da música, disponibilizo uma seleção de etapas para o encaminhamento da proposta de alfabetização através de obras da literatura infantil. Espero que gostem, critiquem e opinem.
Clique no link abaixo para ler mais.


Sugiro:

1. Audição da música várias vezes, em dias diferentes;
2. Desenvolver a "memória musical" (para posterior montagem de trecho textual);
3. Conversar sobre a letra da música;
4. Conversar sobre a autora da música;
5. Sugerir aos alunos pesquisa junto aos responsáveis sobre a biografia e a discografia da Bia Bedran;
6. Elaborar uma listagem coletiva com nomes de músicas da Bia Bedran trazidas pelo grupo e sugerir a reescrita pelos alunos;
7. Propor a construção coletiva de uma paródia musical (após conversar sobre o que é uma paródia) utilizando a melodia da música Ciranda do Anel;
8. Solicitar a escrita da paródia construída e a ilustração da mesma;
9. Propor a leitura da letra da música Ciranda do Anel através do blocão e com apontamento (o professor vai passando o dedo embaixo dos fonemas que representam o som da letra da música);
10. Solicitar que os alunos circulem palavras do texto (música) ditadas - palavras-chave que se quer sistematizar posteriormente (não escolher muitas);
11. Montagem coletiva e individual (uma em cada dia diferente) por frases, de trechos da música memorizada;
12. Montagem coletiva e individual (uma em cada dia diferente) por palavras, de trechos da música memorizada;
13. Completar texto lacunado da música;
14. Propor reescrita coletiva (no blocão) de trecho da música ou toda ela;
15. Incentivar a reescrita individual do trecho da música reescrito coletivamente (ou toda a música, caso tenha sido essa a opção escolhida);
16. Tomar um ou dois textos para correção coletiva (uso do retroprojetor ou projetor multimídia) não esquecendo de estabelecer parâmetros bem definidos para essa atividade (NÃO DÁ PRA ABORDAR TODOS OS ERROS DE UM SÓ VEZ, na alfabetização, apenas quando o aluno já é totalmente alfabetizado, ou já foram bem trabalhados todas as normas da escrita da nossa língua;
...
Bom, são somente algumas sugestões e que de nenhuma forma estão fechadas em si mesmas. Sugiro que Criem e Recriem em cima delas.
E depois, que tal compartilhar conosco suas inspirações?

(Ilustração de Ivan Cruz)

Comentários

  1. Adorei, professora!

    ResponderExcluir
  2. Olá,Valéria!
    Gostei muito do seu espaço: criativo, inovador e cheio de alegria. Ensinar com amor e sabedoria é um dom especial, uma missão sublime que deve ser valorizada e respeitada!
    Que Deus a abençoe sempre!
    Com carinho,
    Angela

    Quando puder, venha conhecer meus cantinhos também:
    nospassosdejesusamor.com.br
    docessonhosdepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Angela,
      Já visitei os seus espaços e adorei! Obrigada por nos visitar. Volte sempre que quiser.

      Excluir

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Deixe sua crítica ou sugestão, ela é muito bem vinda.